Qual foi a sua briga/bloqueio de hoje?

Eleições, briga, WhatsApp e Facebook. Uma combinação que resultou (e ainda resulta) em brigas. E boatos, muitos boatos (o próximo assunto do blog). Esse pleito vai deixar muitas amizades desfeitas, muito ódio dos dois lados. Enquanto há quatro meses, estávamos unidos, amigos (me questiono se éramos amigos ou apenas sendo sociáveis) fazendo memes das quedas do Neymar, da Alemanha e de Portugal durante a Copa do Mundo, agora qualquer publicação relacionada a Bolsonaro, Haddad ou até mesmo a neutralidade, é anunciada a chegada do apocalipse.

O fato é que nunca falamos tanto sobre política. Mas não estamos sabendo debater. Está acontecendo um transporte das discussões acaloradas características do futebol para o mundo político. Nunca tivemos tanta informação a nossa disposição, porém lidamos mal com elas. Não estamos sabendo escutar a opinião contrária a nossa. Se escuto o oposto a mim, a pessoa é desvalorizada e não serve mais para fazer parte do meu círculo de pessoas. Mas por que isso acontece?

1) Estamos em uma bolha

Sim, as redes sociais nos colocaram em uma bolha. O Facebook, por meio de algoritmos, faz com que você veja apenas aquilo que te interessa, ou seja, você recebe as informações que repetem o que publica. Assim, no mundo real,  quando encontra pessoas com opiniões contrárias a sua, acredita que está fora da curva. Dessa maneira, quando a opinião é confirmada, as chances de conflito são diminuídas (e a alienação aumenta). Então, o Facebook te apresenta um mundo ideal, não o real. Aí, quando vamos ao WhatsApp, que não tem o filtro do Facebook, com opiniões diversas e contrárias, as brigas começam e o dedo do bloqueio se agita.

2) Personalidade de rede social

Brigamos, porque as redes sociais e os nossos dedos nervosos nos deram um poder incrível. Atrás de uma tela (de smartphone ou de notebook), viramos especialistas de todos os assuntos possíveis. O mundo virtual faz com que a gente fique mais agressivo e incisivo. Afinal, não vemos a reação do outro e, por isso, não somos intimidados com as respostas.

3) Expectativa x realidade

Estamos em uma época em que queremos credibilidade e ser o dono da verdade, mas não acreditamos em nada que ocorre a minha volta. E se alguma pessoa querida emite alguma opinião considerada horrorosa e surpreendente, há uma frustração muito grande. O respeito pela opinião contrária cai e estamos ficando cada vez mais intolerantes.

Dessa maneira, vemos que estamos brigando, entrando em tretas, para que a nossa realidade, mesmo que ela seja falsa, seja estabelecida. Com quantos amigos, você brigou? Quantas pessoas bloqueou? Você colocou em risco o seu Natal em família? Lembre-se: nenhum ideal político pode te afastar daquele que está com você em todos os momentos da vida. Se flamenguistas e vascaínos, corintianos e palmeirenses, cruzeirenses e atleticanos conseguem conviver juntos, você também consegue estar junto com quem, na política, pensa diferente de você.

Você pode gostar...

1 Resultado

  1. 25 de outubro de 2018

    […] Qual foi a briga/bloqueio de hoje? […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *